Navigation

Destaques

Proctologia

E.P.Si.T. – Tratamento endoscópico do sinus pilonidal

O sinus pilonidal é uma inflamação aguda ou crônica no tecido adiposo subcutâneo, predominantemente na área do cóccix1. O E.P.Si.T. – tratamento endoscópico do sinus pilonidal – ocorre em duas fases. Na primeira, a fase de diagnóstico, é realizada a inspeção da cavidade do sinus e das vias do sinus. Na segunda fase, a terapêutica, é realizada a ablação da cavidade do abscesso e a obliteração das vias de fístula2. Ambas as fases são realizadas com controle endoscópico direto.

Características especiais:

  • O tratamento E.P.Si.T. pode ser realizado de forma ambulatória
  • A limpeza da cavidade do abscesso e a obliteração das vias de fístula são realizadas sob visão direta
  • Elevada satisfação dos pacientes3
  • Métodos de tratamento simples, seguros, eficientes, reprodutíveis3
  • Os instrumentos podem também ser utilizados para o tratamento de fístulas anais (técnica VAAFT)

 

Fontes:
1 AWMF Kurzfassung der S3-Leitlinie 081/009: Sinus pilonidalis

2 Endoscopic Pilonidal Sinus Treatment: A Prospective Multicentre Trial. P. Meinero et al., 2016

3 Endoscopic Pilonidal Sinus Treatment, Giarratano G et al., 2017

Brazilian and argentinean multicentric study in the surgical minimally invasive treatment of pilonidal cyst

Medicina humana

Proctologia

Silveira Mendes C R, Santana de Miranda Ferreira L, Salim L

Brazilian archives of digestive surgery 2019 Oct

Short-term outcomes of endoscopic pilonidal sinus treatment

Medicina humana

Proctologia

Kalaiselvan R, Liyanage A, Rajaganeshan R

Annals of the Royal College of Surgeons of England 2019 Aug

The endoscopic treatment of pilonidal sinus disease: a short-term case-series study

Medicina humana

Proctologia

Khafagy A, Al Haddad E, AlSabah S

Annals of Saudi Medicine 2019 May-Jun

Preliminary report on endoscopic pilonidal sinus treatment in children: results of a multicentric series

Medicina humana

Proctologia

Pini Prato A, Mazzola C, Mattioli G, Escolino M, Esposito C, D'Alessio A, Abati LC, Leonelli L, Carlini C, Rotundi F, Meinero PC

Pediatric Surgery International 2018 Jun

Outcomes of endoscopic pilonidal sinus treatment (EPSiT): a systematic review

Medicina humana

Proctologia

Tien T, Athem R, Arulampalam T

Techniques in Coloproctology 2018 May

Endoscopic pilonidal sinus treatment versus total excision with primary closure for sacrococcygeal pilonidal sinus disease in the pediatric population

Medicina humana

Proctologia

Sequeira JB, Coelho A, Marinho AS, Bonet B, Carvalho F, Moreira-Pinto J

Journal of Pediatric Surgery 2018 Oct

Endoscopic Pilonidal Sinus Treatment: Long-Term Results of a Prospective Series

Medicina humana

Proctologia

Giarratano G, Toscana C, Shalaby M, Buonomo O, Petrella G, Sileri P

Journal of the Society of Laparoendoscopic Surgeons 2017 Jul-Sep

Endoscopic pilonidal sinus treatment: a prospective multicentre trial

Medicina humana

Proctologia

Meinero P, Stazi A, Carbone A, Fasolini F, Regusci L, La Torre M

Colorectal Disease: The Official Journal of the Association of Coloproctology of Great Britain and Ireland 2016 May

Conjunto VAAFT

Tratamento videoassistido de fístulas anais

A técnica V.A.A.F.T. é utilizada para o tratamento cirúrgico de fístulas anais complexas e também de fístulas recidivas, consitituindo-se de duas fases. Na primeira fase, a diagnóstica, é feita uma avaliação do trajeto da fístula e a detecção de seu orifício interno. Na segunda fase, a terapêutica, o epitélio da fístula é completamente destruído. Os procedimentos de ambas as fases são realizados através de controle endoscópico direto.

Características Especiais:

  • Localização exata do orifício interno da fístula sob controle visual
  • Destruição completa da fístula
  • Menos traumática para o paciente
  • Redução considerável de tempo e de custos
  • Totalmente autoclavável

A Systematic review and meta-analysis of the efficacy and safety of video-assisted anal fistula treatment (VAAFT)

Medicina humana

Proctologia

Emile SH, Elfeki H, Shalaby M, Sakr A

Surgical Endoscopy 2018 Apr

VAAFT: Video Assisted Anal Fistula Treatment; Bringing revolution in Fistula treatment

Medicina humana

Proctologia

Zarin M, Khan MI, Ahmad M, Ibrahim M, Khan MA

Pakistan Journal of Medical Sciences 2015 Sep-Oct

Video-assisted anal fistula treatment

Medicina humana

Proctologia

Kochhar G, Saha S, Andley M, Kumar A, Saurabh G, Pusuluri R, Bhise V, Kumar A

Journal of the Society of Laparoendoscopic Surgeons 2014 Jul-Sep

Comparative study of clinical efficacy between video-assisted anal fistula treatment and traditional fistula resection plus seton in treatment of complex anal fistula

Medicina humana

Proctologia

Zheng L, Lu J, Pu Y, Xing C, Zhao K

Chinese Journal of Gastrointestinal Surgery 2018 July

Symptom amelioration in Crohn's perianal fistulas using video assisted anal fistula treatment (VAAFT)

Medicina humana

Proctologia

Adegbola SO, Sahnan K, Tozer PJ, Strouhal R, Hart AL, Lung PF, Phillips RK, Faiz O, Warusavitarne J

Journal of Crohn’s and Colitis 2018 May

Video-assisted anal fistula treatment in the management of complex anal fistula: a single-center experience

Medicina humana

Proctologia

Stazi A, Izzo P, D'Angelo F, Radicchi M, Mazzi M, Tomassini F, Izzo L, Valabrega S

Minerva Chirurgica 2018 Apr

Short-term efficacy and safety of three novel sphincter-sparing techniques for anal fistulae: a systematic review

Medicina humana

Proctologia

Adegbola SO, Sahnan K, Pellino G, Tozer PJ, Hart A, Phillips RKS, Warusavitarne J, Faiz OD

Techniques in Coloproctology 2017 Oct

Enterocutaneous fistula: a novel video-assisted approach

Medicina humana

Proctologia

Rios HP, Goulart A, Rolanda C, Leão P

Wideochirurgia I inne techniki maloinwazyjne 2017 Sept

Video-Assisted Anal Fistula Treatment (VAAFT) for Complex Anal Fistula: A Preliminary Evaluation in China

Medicina humana

Proctologia

Jiang HH, Liu HL, Li Z, Xiao YH, Li AJ, Chang Y, Zhang Y, Lv L, Lin MB

Medical Science Monitor: International Medical Journal of Experimetal and Clinical Research 2017 Apr

TEO® – Cirurgia Endoscópica Transanal

A plataforma transanal minimamente invasiva para tratamento de neoplasias retais

A cirurgia endoscópica transanal (TEO®) junta a invasividade mínima da intervenção através de orifícios naturais (NOTES) à precisão de uma ressecção microcirúrgica controlada endoscopicamente.

Características especiais:

  • Disponível em comprimentos de 7,5 cm, 15 cm e 20 cm
  • Compatível com todos os sistemas de câmara correntes para laparoscopia
  • A plataforma pode ser posicionada de forma muito estável com o auxílio de um braço de sustentação mecânico

Transanal Endoscopic Operation for Benign Rectal Lesions and T1 Carcinoma

Medicina humana

Proctologia

Mathieu D'Hondt, MD, Emi Yoshihara, MD, Lieven Dedrye, MD, Koen Vindevoghel, MD, Frederiek Nuytens, MD, and Hans Pottel, PhD

Journal of the Society of Laparoendoscopic Surgeons 2017 Jan-Mar

Importance of Resection Margins in the Treatment of Rectal Adenomas by Transanal Endoscopic Surgery

Medicina humana

Proctologia

Serra-Aracil X, Ruiz-Edo N, Casalots-Casado A, Mora-López L, Pallisera-Lloveras A, Serra-Pla S, Puig-Diví V, Navarro-Soto S

Journal of Gastrointestinal Surgery 2018 Oct 10

What is the best tool for transanal endoscopic microsurgery (TEM)? A case-matched study in 74 patients comparing a standard platform and a disposable material

Medicina humana

Proctologia

Mege D, Bridoux V, Maggiori L, Tuech JJ, Panis Y

International Journal of Colorectal Disease 2017 Jul

Transanal endoscopic resection with peritoneal entry: a word of caution

Medicina humana

Proctologia

Molina G, Bordeianou L, Shellito P, Sylla P

Surgical Endoscopy 2016 May

Hybrid NOTES: TEO for transanal total mesorectal excision: intracorporeal resection and anastomosis

Medicina humana

Proctologia

Xavier Serra-AracilEmail author, Laura Mora-López, Alex Casalots, Carles Pericay, Raul Guerrero, Salvador Navarro-Soto

Surgical Endoscopy 2016 January

Plataforma TEO® com acessório de trabalho flexível e adaptador high-flow – B-PORT

TEO® (Transanal Endoscopic Operations) combina as vantagens de uma intervenção minimamente invasiva através de orifícios naturais (NOTES) com a precisão de uma ressecção controlada, efetuada com ampliação ótica. Um ressectoscópio de amplo lúmen possibilita a manipulação precisa dos instrumentos cirúrgicos sob visualização endoscópica. Em colaboração com o Prof. Luigi Boni (Milão, Itália), foi possível otimizar a plataforma TEO® para a taTME (excisão total do mesorreto por via transanal).

Características especiais:

  • Grande liberdade de movimentos graças ao acessório de trabalho flexível
  • Possibilidade de utilizar instrumentos de até 15 mm
  • O adaptador high-flow possibilita um pneumorreto rápido e constante e uma aspiração de fumaça eficaz.
  • A extremidade distal reta facilita a sutura endoscópica em bolsa de tabaco
  • Adequado para a taTME

D-PORT

O novo D-PORT reutilizável foi concebido e otimizado para a cirurgia transanal. Com essa plataforma também é possível realizar a excisão total do mesorreto por via transanal (taTME). 

Características Especiais:

  • Possibilidade de insuflar CO2 e, simultaneamente, aspirar fumaça
  • A tampa de vedação flexível permite grande liberdade de movimentos
  • O diâmetro externo reduzido a 30 mm facilita a introdução no canal anal
  • Opção de tamanho da ótica (5 mm ou 10 mm)
  •  Reutilizável, gerando excelente custo-benefício

ENDOFLATOR® 50 e S-PILOT® – A combinação perfeita

O Endoflator® 50 em combinação com o KARL STORZ S-PILOT® se apresenta como o pré-requisito perfeito para uma aspiração de fumaça ideal. Para poder usar a excelente potência de fluxo do insuflador na sua totalidade, é necessário utilizar os acessórios adequados.

Características especiais:

  • Campo cirúrgico estável graças à regulagem inovadora
  • O aquecimento de gás adapta a sua potência às condições ambientais individuais e evita de modo confiável o embaçamento da ótica
  • Mesmo nas cavidades mais pequenas se obtém condições de visão ideais e um campo cirúrgico estável

Rectoscópio para a documentação de vídeo – RECTOVISION® com guia deslizante

A combinação de tecnologias laparoscópicas e rectoscópicas permite uma excelente visualização e documentação da anatomia intraluminal em pacientes que se submetem a procedimentos coloproctológicos. A videorrectoscopia é um procedimento simples e bastante cômodo. A utilização do RECTOVISION® é indicada tanto para procedimentos realizados em ambulatórios quanto em centros cirúrgicos.

Características principais:

  • Representação nítida e com alta resolução, mesmo dos menores detalhes
  • Totalmente reutilizável, vida útil longa
  • Pode ser utilizado com qualquer ótica de 10 mm – também em combinação com NIR/ICG para avaliação da perfusão intraluminal
  • Estabilidade durante o exame graças à guia deslizante

SILVER SCOPE® KARL STORZ

Retoscópio flexível de TROIDL

O retoscópio flexível de TROIDL SILVER SCOPE® reúne as vantagens básicas da endoscopia flexível com as possibilidades de aplicação na retoscopia.

Características Especiais:

  • Manuseio facilitado através de um comprimento útil de 40 cm
  • A deflexão de até 201° melhora as possibilidades de visualização e, com isso, também as opções de diagnóstico e terapia graças à observação anterógrada e retrógrada
  • Possibilidade de utilização, entre outras, no diagnóstico de enfermidades cirúrgicas e em intervenções cirúrgicas na zona retal
  • Operação sem fadiga graças a dispositivos de comando ergonômicos
  • Possibilidade de combinação da endoscopia rígida e flexível, graças à plataforma de câmera modular IMAGE1 S

Também pode ser do seu interesse:

Documentação na proctologia

A solução móvel all-in-one TELE PACK X GI permite esclarecer o paciente através de meios visuais em exames proctoscópicos ou retoscópicos. Com o auxílio do retoscópio flexível de TROIDL, bem como dos sistemas rígidos PROCTOVISION® e RECTOVISION® é possível visualizar e documentar todas as fases importantes de diagnóstico e/ou terapia.

Características especiais:

  • A solução portátil all-in-one reúne o monitor, o processador de vídeo, a fonte de luz LED, a unidade de documentação e a bomba de insuflação em um único aparelho
  • Utilização universal em consultórios, ambulatórios de emergência e UTIs
  • Endoscópios flexíveis e rígidos podem ser facilmente conectados com os respectivos adaptadores
  • Além da função de esclarecimento do paciente, a documentação também
  • representa um apoio eficaz para a formação proctológica
  • A função de rede integrada permite a fácil exportação de imagens e vídeos do paciente para a rede do hospital ou do consultório

Tubo para remoção de tecido ressectado de SAAD

Para evitar uma mini-laparatomia com ressecção laparoscópica do cólon

Nos últimos anos, as técnicas de laparoscopia na ressecção do cólon têm se estabelecido progressivamente como procedimento padrão na cirurgia coloretal1,2, sendo, no entanto, sempre necessária uma mini-laparotomia para recuperação da peça cirúrgica. Com o desenvolvimento do tubo para remoção de tecido ressectado de SAAD, que pode ser introduzido tanto transanalmente como transvaginalmente, se consegue evitar a mini-laparotomia e, assim, reduzir significativamente a morbidade da parede abdominal sob a forma de infecções de feridas, dores pós-operatórias e a formação de hérnias na parede abdominal3.

Características especiais

  • Introdução simples e suave graças à forma adaptada à anatomia
  • O adaptador de trabalho flexível permite a utilização de instrumentos
  • sem perda de CO2
     

1 Kuhry E, Schwenk W, Gaupset R, Romild U, Bonjer HJ (2012). Long-term results of laparoscopic colorectal cancer resection.

2 Schwenk W, Haase O, Neudecker JJ, Müller JM (2008). Short-term benefits of laparoscopic colorectal resection.

3 Brockhaus A.C., Politt D, Lindlohr C, Saad S (2016). Transanal extraction vs. minilaparotomy for laparoendoscopic left-sided colon resection.

Proctoscópios

Para proctoscopia rígida, a KARL STORZ disponibiliza uma grande quantidade de proctoscópios em diferentes tamanhos.

Características Especiais:

  • Obturador de plástico evita uma possível inclinação no tubo do proctoscópio
  • Inteiramente reutilizável, durável
  • Com inserte de trabalho correspondente, também pode ser utilizado para proctoscopia e documentação videoassistidas

Rectoscópio

Para retoscopia rígida, a KARL STORZ disponibiliza uma grande quantidade de rectoscópios em diferentes tamanhos.

Características Especiais:

  • Inteiramente reutilizável, durável
  • Peça de iluminação com conexão para cabo de luz de fibra ótica para uma iluminação otimizada
  • Com inserte de trabalho correspondente, também pode ser utilizado para retoscopia e documentação videoassistidas